BOLA CHEIA - 15/07

Para o E.C, Bahia que veio ao Morumbi, aproveitou-se da crise do São Paulo e o venceu por 2x1. Tem um Treinador, Cristóvão Borges, que por onde passa faz bons trabalhos e que merece oportunidades maiores. Como a bruxa estava solta na quarta feira, bola cheia também para o Nacional de Manaus que, de forma surpreendente venceu a Ponte Preta (0x1) em Campinas pela Copa do Brasil. Mas como desgraça pouca é bobagem o Santos também foi surpreendido pelo CRAC em plena Vila Belmiro (1x1) e, como a Ponte Preta terá que tentar a classificação fora de sua casa.
 
Para infelicidade do futebol brasileiro mais uma equipe deixaria a Libertadores da América por interferência da arbitragem. Como já o fora com Corinthians, Palmeiras e Fluminense, agora foi a vez do Atlético Mineiro sofrer com o problema. Desta feita Roberto Silveira, que teve o jogo totalmente em suas mãos acabou errando em dois lances capitais e que poderiam dar a classificação atleticana já no tempo 
regulamentar. No final da primeira etapa não marcou penalidade máxima sobre Jô, e no inicio da segunda mais uma sobre Tardeli. Mas para felicidade do Atlético Mineiro na decisão por tiros desde o ponto penal, mais uma vez a estrela do goleiro Vitor se fez presente ao defender a ultima cobrança dos argentinos. Assim, pelo nono ano consecutivo uma equipe brasileira estará na final da Libertadores da América.
 
Uma bolada por mau posicionamento na jogada, uma vantagem perdida e um impedimento mal assinalado da Portuguesa, por Tatiane Camargo, foram os únicos e poucos erros na primeira etapa de Santos 4x1 Portuguesa com a condução de Rodrigo Guarizo Ferreira Amaral. Na segunda etapa nada que merecesse destaque, a não ser a tranqüilidade e acerto nas decisões da arbitragem.
 
Ate que enfim uma arbitragem dentro de padrões normais de Francisco Carlos Nascimento, o Chicão das Alagoas. Partida sem maiores dificuldades apresentaram Vitória 3x2 São Paulo, e com a arbitragem acertando na maioria dos lances, e marcando com acerto penalidade máxima para o Vitória. Na primeira etapa um impedimento inexistente marcado de Wellington, do São Paulo, e em lance com oportunidade de gol na responsabilidade de Pedro Santos Araújo. Expulsou corretamente Wellington do São Paulo, concedeu boas vantagens, e teve finalmente uma arbitragem normal. Que assim seja neste ano...
 
Vasco 0x1 Flamengo fizeram um clássico de pouca técnica, mas de muita garra e determinação, com ótima arbitragem de Grazziani Maciel. Motivados pelo excelente publico de mais de sessenta mil pessoas no Mane Garrincha, muito empenho e dedicação com vitória justa do Flamengo. A torcida, dividida por sinal, deu o grande destaque á partida.
 
 
 
QUANDO VOCÊ AMADURECE VOCÊ NÃO PERDE OS AMIGOS, VOCÊ DESCOBRE OS VERDADEIROS...

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440