Bola Cheia - 18/11


 Para Eduardo César Coronado Coelho e Marcelo Rogério que representaram a AAGSP na Copa do Pacifico, realizada na cidade de Los Cabos, no México. A Copa é realizada pela Associação de Futebol Internacional Amador, AFIA, e Cia. Soccer Travel, e apoiada pela Federação Mexicana de Futebol. Todas as partidas tiveram imagens transmitidas pela Internet, com qualidade de imagem e som. Sete equipes mexicanas e cinco brasileiras participaram da Copa entre 9 e 15 de Novembro, e com estrutura que pouco se vê em competições amadoras, e dignas de primeiro mundo. Alem das partidas classificatórias, das três finais (por categoria) Coronado e Marcelo arbitraram duas. Coronado entre equipes brasileira e mexicana, e Marcelo entre equipes mexicanas.
 
Um bom trabalho foi o que se viu de Leandro Bizzio Marinho em Paraná 0x1 Chapecoense. Algumas faltas não marcadas, mas sem serem significativas, disciplina bem controlada, mas posicionamento na primeira etapa (para seu perfil físico) na nossa opinião equivocado quando das formações de ataque, e com a bola ainda nos campos de defesa. Muito aprofundado e que lhe pode render dificuldades em outras partidas. Para os ataques o posicionamento é perfeito, porém e se pudermos ser entendidos, perfeito quando a bola chega, o que nem sempre acontece. Alertado ou cansado, mudou na segunda etapa.
 
Desta feita uma arbitragem sem contestações de Anderson Daronco em Paysandu 1x0 Palmeiras. Nenhuma dificuldade técnica ou disciplinar e decisões corretas. Só não tem necessidade de tentar impor-se pela força e pelos gritos. E uma vitória merecida dos paraenses sobre um Palmeiras inoperante apesar de pelo menos seis desfalques.
 
Quem também não se comprometeu em Grêmio 1x0 Vasco da Gama foi o Francisco Carlos Nascimento, o nosso “Chicão das Alagoas”.  Praticamente sem erros técnicos, houve-se bem na disciplina, e no lance importante da partida não tivemos convicção de ter existido penalidade máxima de Cris em Kleber, e ficamos com a arbitragem.
 
À sua maneira, deixando o jogo correr, apesar de não marcar algumas faltas foi bom o trabalho de Leandro Pedro Vuaden em Coritiba 0x1 Corinthians. Não interferiu no resultado numérico, controlou a disciplina entre os jogadores, e nesta ocasião mostrou-se muito bem fisicamente.
 
Já tínhamos visto quase tudo no futebol, mas uma equipe ser campeã no intervalo de seu jogo foi algo inédito. Parecia coisa de maluco... Jogadores e Comissão Técnica do Cruzeiro, no intervalo do jogo contra o Vitória pulando, correndo, se abraçando é algo inédito no futebol. Nesse momento terminava o jogo com derrota do Atlético Paranaense para o Criciúma e matematicamente dava o titulo á raposa.
 
Bola Cheissima para Emerson Augusto Carvalho e Marcelo Carvalho Van Gasse que estarão trabalhando nas arbitragens do Mundial de Clubes no Marrocos, convocados que foram pela FIFA juntamente com Sandro Meira Ricci.
 
Ao assistir Coritiba 1x2 Criciúma vimos pela primeira vez uma arbitragem de Cleisson Veloso Pereira, de Minas Gerais e tivemos boa impressão.
Sempre presente, arbitrando com discrição, não “entrando” no alarido dos torcedores locais, sabendo definir bem situações normais e situações faltosas. Foi boa a primeira impressão, restando se ver um pouco mais desse arbitro. E nesta partida um craque de nome Lins, do Criciúma. Tem lugar em qualquer clube do Brasil.
 
Se obrigação ou não, não importa. Quando se esta numa competição o objetivo deve ser sempre o de sair vencedor. A grande maioria deste time não caiu, independentemente de se ficam ou não, merecem agradecimento e consideração. Parabéns Palmeiras. Só não pode ser tri...
 
Em Fluminense 2x1 São Paulo, Marcio Chagas da Silva teve trabalho regular, mas abaixo de ocasiões anteriores. Não existiram penalidades máximas reclamadas pelas duas equipes, e errou duas vezes ao definir situações para tiro direto, como tiro indireto. Reiteramos ainda o que já observamos aqui em outras colunas, pois, é bom árbitro, mas necessita cuidar de sua condição física para melhorar seu crescimento como árbitro de ponta. Disciplinarmente poderia ter expulsado á Gum, e por segundo amarelo na partida.
 
Outro trabalho dentro da normalidade foi o de Jean Pierre Gonçalves, em Portuguesa 2x0 Atlético Mineiro. Gols legítimos, nenhum lance de maior polêmica, boa movimentação e colocação, disciplina bem controlada.
  
O movimento é legitimo, o entendimento entre CBF e atletas se faz necessário para o bem do futebol brasileiro, mas quem ficou na “saia justa” e sem saber como agir foi a arbitragem durante os protestos do meio de semana. Um alerta: Existem as condições de punição á jogadores, na partida, e por falta de “jogarem efetivamente”.
 
 
 
 
 
TENTANDO, ERRANDO, APRENDENDO E VENCENDO...

Leia mais
  1. BOLA CHEIA 13/11
  2. BOLA CHEIA 06/11
  3. BOLA CHEIA 30/10
  4. BOLA CHEIA 23/10
  5. BOLA CHEIA 16/10
  6. BOLA CHEIA 11/10
  7. BOLA CHEIA 02/10
  8. BOLA CHEIA 25/09
  9. BOLA CHEIA - 18/09/2017
  10. BOLA CHEIA - 11/09/2017
  11. BOLA CHEIA 28/08
  12. BOLA CHEIA - 21/08/2017
  13. BOLA CHEIA - 14/08/2017
  14. BOLA CHEIA - 07/08/2017
  15. BOLA CHEIA - 31/07/2017
  16. BOLA CHEIA - 24/07/2017
  17. BOLA CHEIA - 17/07/2017
  18. BOLA CHEIA - 10/07/2017
  19. BOLA CHEIA - 03/07/2017
  20. BOLA CHEIA - 26/06/2017
  21. BOLA CHEIA - 19/06/2017
  22. BOLA CHEIA - 12/06/2017
  23. BOLA CHEIA - 05/06/2017
  24. BOLA CHEIA - 29/05/2017
  25. BOLA CHEIA - 22/05/2017
  26. BOLA CHEIA - 15/05/2017
  27. BOLA CHEIA 07/05
  28. BOLA CHEIA 01/05
  29. BOLA CHEIA - 24/04/2017
  30. BOLA CHEIA - 17/04/2017
  31. BOLA CHEIA 11/04
  32. BOLA CHEIA - 03/04/2017
  33. BOLA CHEIA - 27/03/2017
  34. BOLA CHEIA - 20/03/2017
  35. BOLA CHEIA 13/03
  36. BOLA CHEIA - 06/03/2017
  37. Bola Cheia - 26/02
  38. BOLA CHEIA - 20/02/2017
  39. BOLA CHEIA - 13/02/2017
  40. BOLA CHEIA - 06/02/2017
  41. BOLA CHEIA - 30/01/2017
  42. BOLA CHEIA - 23/01/2017
  43. BOLA CHEIA - 16/01
  44. BOLA CHEIA - 09/01/2017
  45. BOLA CHEIA - 19/12
  46. BOLA CHEIA - 12/12/2016
  47. BOLA CHEIA - 05/12
  48. BOLA CHEIA - 28/11/2016
  49. BOLA CHEIA - 21/11
  50. BOLA CHEIA - 14/11/2016
Anterior 1 2 3 4 5 6 Próximo

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440