Bola Cheia - 04-03

Como tudo na vida também a arbitragem tem começo, meio e fim. Uns entram e saem sem serem mais percebidos, outros deixam marcada sua passagem. E assim foi com Wilson Luis Seneme, antes do arbitro homem serio e sem ”rabo preso” com ninguém. Obrigado Seneme, e como vai continuar no meio desnecessário se despedir. Naquilo que necessitar estaremos á sua disposição.
 
Foi de ótima qualidade o trabalho desenvolvido por Flavio Rodrigues de Souza em Portuguesa 2x0 Mogi Mirim. Nenhum problema disciplinar, decisões técnicas acertadas e um maravilhoso acerto de Alexandre Basílio Vasconcelos quando do primeiro gol da Lusa. Teve ele a mais perfeita interpretação do que hoje se orienta com relação á Regra 11, o Impedimento. Diferentemente seu companheiro, Carlos Augusto Nogueira Junior, não teve a mesma felicidade no lance do segundo gol onde, na sua origem existia posição de impedimento não assinalada, mas naqueles lances que chamamos “de TV”.
 
Mesmo não interferindo no resultado numérico, e sem ser uma Bola Murcha, Norberto Luciano Santos Silveira apresentou algumas deficiências, porém a maioria de fácil correção, em XV Novembro 1x3 São Paulo. Não tem movimentação definida pelo campo, exagera na distancia para alguns lances e “enfia-se demais” em outros. Nas técnicas de arbitragem necessita de gestos e sinais que passem maior segurança a todos, e não pode e não deve, em todas as situações “usar o apito com atraso” como fez seguidamente. Pareceu-nos ansioso demais e reduziu bruscamente sua movimentação nos trinta minutos finais. Deixou de mostrar pelo menos dois Cartões Amarelos e mostrou um para Vinicius, do XV de Novembro onde nem o toque marcado existiu. Marcou bem penalidade máxima para o São Paulo, mas omitiu-se em outra favorável á mesma equipe. Perfeito Daniel Luis Marques ao marcar toque do goleiro quinzista. A curiosidade e que formado em 2001 somente agora, 13 anos depois, Norberto tem suas primeiras oportunidades.
 
Tecnicamente nenhum problema nas decisões tomadas por Aurélio Santana Martins em Palmeiras 2x0 São Bernardo. Disciplinarmente ficou devendo dois Cartões Amarelos, um para Eguren do Palmeiras e outro para Badi do São Bernardo. Nos demais aspectos esteve bem na partida, mas seu assistente Fausto Viana Moretti cometeu erros primários na marcação de impedimentos, um de cada equipe, mas que não se pode aceitar em uma primeira divisão, pela facilidade que apresentavam para julgamento.
 
 
 
UM DIA TODA BELEZA ENVELHECE, A PIADA PERDE A GRAÇA, MAS A ESSÊNCIA PERMANECE...

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440