E AGORA, CORINTHIANS?

A entrevista concedida por Mario Gobbi, Presidente do Corinthians, á TV Gazeta mostrou a todos o que, particularmente, e entre nossos amigos já vínhamos comentando a algum tempo. As fantasiosas entrevistas de Andrés Sanches com as noticias de arrecadações milionárias, a “anestesia” propiciada por um estádio maravilhoso, se incumbiram de esconder a realidade. Por capricho de um ex Presidente da Republica (Estádio para a Copa), por incompetência de seus dirigentes, por acreditarem num ex Presidente do Clube que sonhava com vôos mais altos (Presidência da CBF, Camara Federal, etc.) e pela omissão da grande imprensa, que a tudo sempre soube, mas “fazia de conta” que não, esta aí declarada oficialmente a situação desesperadora que se encontra, financeiramente, o Sport Clube Corinthians Paulista. Quando um Presidente vem á publico observar que não terá dinheiro para pagar os salários dos jogadores, e um clube desse porte não tem compromissos somente com jogadores, é sinal de que “a vaca já foi para o brejo”.
 
Recentemente escrevi uma matéria que questionava o que seria mais importante: “Pagar dividas ou ganhar títulos” e tencionando amainar, mesmo sem dizer, a ira dos palmeirenses com seu Presidente. Uma administração de pés no chão, completamente diferente de seu maior rival, Corinthians, e que agora “abre o bico”.
 
É realmente muito duro para o torcedor do Palmeiras ver a situação que sua equipe de futebol se encontra no campeonato, diferentemente de a do Corinthians sempre entre os primeiros. É duro agüentar as gozações, provocações, mas e o futuro? Qual será o futuro da S.E. Palmeiras enquanto Clube e não um TIME de futebol? E qual será o futuro do S.C. Corinthians Paulista como time de futebol se a partir das declarações de seu Presidente, o CLUBE está falido?
 
Torcemos para que os dois encontrem as melhores soluções, e se ainda elas forem possíveis de serem encontradas, pois tanto Corinthians como Palmeiras não podem sucumbir, nem como CLUBE e nem como TIME...
 
Sem TIME o Clube continua a existir, mas sem CLUBE não pode existir um Time...
 
 
ET. A coisa no futebol está tão surreal que o Corinthians paga os salários de alguns jogadores que estão emprestados a outros, como Emerson Sheik (ou Marcio) e este, hoje no Botafogo, é quem está pagando os salários de vários jogadores jovens do clube carioca. Meu Deus, para o avião que eu quero descer...
 
Gustavo Caetano Rogério

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440