Bola Cheia - 08/09

Bola Cheia para o STJD que suspendeu o arbitro Wilton Pereira Sampaio por omitir em seu relatório o fato ocorrido com o goleiro Aranha, aliás, aqui por nós criticado pela omissão e adendo no dia seguinte. Parabéns também por deixar fora dos estádios os ofensores identificados e por 720 dias, mas não somos totalmente de acordo com a punição sofrida pelo Grêmio. Eliminar a equipe da Copa do Brasil não nos parece justo, apesar de que alguma punição deveria sim ser aplicada. Logo poderemos ter torcedores adversários “infiltrados” para prejudicar equipes, e entre nós isto é possível e perigoso.
 
Não assistimos totalmente Corinthians 3x1 Bragantino, mas no que vimos, lemos e ouvimos, foi de boa qualidade o trabalho de Vinicius Furlan. Ainda jovem, com boas oportunidades, poderá se firmar na arbitragem. Aliás, a arbitragem paulista, com raríssimas exceções, tem se salvado na ruindade nacional.
 
Brasil 1x0 Colômbia fizeram uma partida muito truncada e mal arbitrada pelo canadense  Dave Gantar (FIFA). Muitas faltas e até algumas desleais, apenas uma expulsão de colombiano, e o Brasil, se não foi o que se espera pelo menos mostrou organização e perspectivas de melhoria. E para variar um golaço de falta se Neymar, que se diga, apanhou bastante.
 
Bola Cheia para a vitoria do Santos 3x1 Vitoria no Pacaembu, e com, desta feita, boa arbitragem de Felipe Gomes da Silva. O árbitro do Paraná em todas as vezes que o vimos anteriormente sempre teve fracas arbitragens, mas nesta partida houve-se bem e sem nenhum problema. Gols legítimos, bola na mão e não mão na bola de zagueiro santista dentro da área penal, e acertos infinitamente superiores aos pequenos erros.
 
Bola Cheia também para Fluminense 3x3 Cruzeiro no Maracanã. Não assistimos à partida, mas quando seis gols são marcados e ninguém perde, o torcedor sai satisfeito do estádio. Mostra equipes que tem a preocupação de entrar para vencer, e não somente jogar por uma bola...
 
Criciúma 0x0 Corinthians fizeram uma partida bem disputada, renhida, e a principio de empate justo. Observamos, á principio, pois Igor Benevenuto que apesar de boa arbitragem acabou, para nós, interferindo ao não marcar penalidade máxima para o Corinthians que, em tese, poderia determinar a vitoria corintiana. É arbitro que pode crescer, mas necessita impor-se mais perante aos atletas. Nas confusões entre eles não deve “entrar pára discutir” e sim para acabar com os problemas através de sua postura e mostrando comando.
 
Ate que neste final de semana o Palmeiras merece estar na Bola Cheia. Atlético Paranaense 1x1 Palmeiras mostraram muitas deficiências, apesar do Palmeiras ter se apresentado melhor que jogos anteriores, e ter atuado com um jogador a menos durante grande parte do segundo tempo. O destaque negativo, e o Verdão ate poderia ter vencido foi Leandro Pedro Vuaden que se não fizesse vistas grossas ao se omitir em marcar duas penalidades máximas (Henrique e Marcelo Oliveira) favoráveis á equipe paulista.
 
 
FELICIDADE É VOCE  DORMIR TARDE, E SABER QUE NÃO PRECISA ACORDAR CEDO PARA TRABALHAR NO OUTRO DIA...

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440