Um lance didatico

A partida Santos x Portuguesa propiciou áqueles que gostam das regras um momento inusitado e que dificilmente se vê no futebol.  A penalidade máxima marcada sobre Robinho, e de forma equivocada, nos da a oportunidade de abrir mais este momento.
 
Relembrando, diríamos que Robinho se encontrava fora do campo de jogo, a bola dentro do campo de jogo e o zagueiro da Portuguesa também dentro do campo de jogo atinge ao santista “cometendo a infração” e a “penalidade máxima” é marcada.
 
Mas para infelicidade do árbitro Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza a sua visão de campo era de que Robinho estava sobre a linha de fundo, e, portanto dentro do campo de jogo e assim apontou a “marca de cal”...
 
Esclarecendo diríamos que uma infração técnica não pode ser marcada com o jogador que a recebe estando fora do campo de jogo, e se assim o for somente caberá ação disciplinar (amarelo ou vermelho). Se os dois jogadores estiverem fora do campo de jogo e a bola dentro caberá ação disciplinar e não técnica, mas aqui se observando a eventual vantagem em relação a quem sofreu a ação do adversário. Caso contrario reinicio com bola ao chão.
 
Se o atacante estiver fora do campo de jogo, a bola dentro do campo de jogo, e o defensor dentro do campo de jogo caberá unicamente a marcação de bola ao chão, o que alias deveria ter sido marcado nesta ocasião.  No lance em questão, se o defensor estivesse fora do campo de jogo e o atacante dentro do campo de jogo, aí sim, penalidade máxima.
 
Agora, imaginem vocês a perplexidade que ocorreria em todo estádio entre jogadores, comissões técnicas, dirigentes, imprensa em geral, torcedores, se Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza tivesse percebido que Robinho estava fora de campo, e determinado cobrança de bola ao chão. Pare e raciocine: pelo desconhecimento que todos têm das 17 regras, quanta bobagem seria dita e discutida...
 
 
Gustavo Caetano Rogério

Leia mais
  1. UM ERRO
  2. DE NOVO O VIDEO ?
  3. COMPLICANDO O VIDEO
  4. Inversão de Mando
  5. MAS... QUEM ′FEZ O GATO′ ?
  6. HORA DE REPENSAR?
  7. OLHA O VÍDEO AÍ.....
  8. ′′OBRIGADO CHAPE..′′
  9. ESSAS REGRAS....
  10. MASOQUISTAS
  11. REGRAS ESQUECIDAS
  12. O USO DE IMAGENS
  13. COBRANÇA LEGAL, GOL IRREGULAR
  14. UM ANO DIFICIL DO APITO
  15. SÓ “JESUS CRISTO”?
  16. NÃO HÁ VÍDEO QUE RESOLVA...
  17. MAIS ENGANAÇÃO?
  18. ARBITRAR NÃO É ISSO
  19. O PAÍS DO FAZ DE CONTA
  20. E VOCÊ, FARIA O QUE?
  21. QUEM MAIS, QUEM MENOS?
  22. O ERRO DE LUIS FLAVIO...
  23. TORCIDA MISTA?
  24. SOU CHATO, EU SEI...
  25. Para parar e.......pensar
  26. UM LANCE DIDATICO (Correção)
  27. A BOLA AO CHÃO...
  28. QUEM MANDOU NASCER COM BRAÇOS?
  29. E AGORA, CORINTHIANS?
  30. PAGAR DIVIDAS OU GANHAR TITULOS?
  31. COMANDO EQUIVOCADO, ARBITRAGEM RIDICULA...
  32. EDUARDO JOSE FARAH
  33. TEREMOS DUAS COPAS DO MUNDO?
  34. Que absurdo...
  35. O caso Icasa...
  36. FUTEBOL PAULISTA PREOCUPA
  37. A MÃO NA BOLA E A BOLA NA MÃO
  38. VALEU, E COMO VALEU A PENA...
  39. E agora Lusa
  40. AMADORISMO PURO
  41. FINAL DA COPA PAULISTA
  42. NA VARZEA ATÉ QUE SE ACEITA...
  43. ÉTICA DESPORTIVA?
  44. OPORTUNISTAS DE PLANTÃO
  45. O DIA 9 DE JULHO
  46. Epa... Só Tem Árbitro “Velho”...
  47. Que acontece seleção?
  48. O Caso Braghetto
  49. Uma Formula Para o Paulistão
  50. Algumas “Irrisórias Diferenças”
Anterior 1 2 Próximo

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440