O PAÍS DO FAZ DE CONTA

Cada vez mais nosso país se torna insuperável no “faz de conta”, no “me engana que eu gosto”, no “jeitinho brasileiro”, e cada vez mais como há 50 e tantos anos passados e como definiu o general, estadista e Presidente Frances Charles de Gaulle, que assim se expressou: “Como se pode governar um país que tem 246 espécies de queijo? O Brasil é um país que não deve ser levado á serio”...
 
Quanta visão e sabedoria não é mesmo? E isso foi dito em 1962, entenderam?
 
Esta semana dois fatos aparentemente simples confirmam o que todos nós sabemos, sabemos, sabemos, sabemos, sabemos e nada acontece:
 
No futebol agora foi o goleiro Cássio que vem a publico e declara que preferiria jogar no Pacaembu, mas ter seus salários em dia. (?) Muitos de seus companheiros também publicamente afirmam que o fato de não receberem não interfere na vontade da equipe. No Paulistão jogadores do Marília fizeram greve por não receber, e a Portuguesa Desportos dizia através de seus próprios dirigentes que devia salários. Mas nos regulamentos “corajosamente” os dirigentes não inseriram que os clubes devem perder pontos e ate serem eliminados das competições? Mas, nada acontece ou aconteceu...
 
Se uma criança perguntar isso á você o que irá responder? Vai falar a verdade ou vai continuar fazendo de conta?
 
Na política então a semana foi, além de muitas outras, de uma declaração que pelo menos apesar de nojenta é verdadeira: Um tal vereador de Paraupebas no Pará, de nome Odilon Rocha de Sanção declara que o valor que recebe como salário, se ele não for corrupto, não dara para manter o padrão de vida que ele tem atualmente. Ou seja, ele se auto declara corrupto. Sabe... e nada acontece ou aconteceu.
 
Se uma criança perguntar isso a você o que irá responder? Vai falar a verdade ou vai continuar fazendo de conta?
 
Vocês sabem, mas vamos repetir: Quantas equipes perderam pontos ou foram eliminadas das competições?
 
E o tal vereador corrupto será preso e perderá seu mandato?
 
 
Que dirá você a uma criança se ela te perguntar por que não se cumprem as leis?
 
 
Ta bom... No país do faz de conta? Como seria bom se fossemos somente um país que tem 246 espécies de queijo...
 
 
ET. Ia esquecendo, mas se uma criança te fizer as perguntas não faça de conta e lhe diga a verdade, pois somente assim, com certeza, daqui a meio século talvez não sejamos mais um PAÍS DO FAZ DE CONTA...
 
 
Gustavo Caetano Rogério

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440