REGULAMENTO TORNEIO DE FUTEBOL SINDEEPRES 2017

REGULAMENTO TORNEIO DE FUTEBOL SINDEEPRES 2017
 
CAPÍTULO I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
 
Art. 1º - O presente Regulamento tem por finalidade disciplinar os participantes do Torneio den Futebol Sindeepres 2017.
 
Art. 2º - Os participantes deverão conhecer este Regulamento e suas regras, submetendo-se, sem quaisquer reservas, a todas as consequências que dele possam emanar.
 
Art. 3º - O Torneio de Futebol Sindeepres 2017 é promovido, organizado e dirigido pelo SINDEEPRES, em parceria com o SESC.
 
Art. 4º - O Torneio de Futebol Sindeepres 2017 terá seu início conforme a tabela que será entregue na reunião técnica.
 
Art. 5º - O mando de jogo será sempre do SINDEEPRES, que considera mandante a Equipe que aparecer no lado esquerdo da tabela. Isso implica que em caso de igualdade de uniformes, a Equipe visitante, ou seja, a que aparecer no lado direito da tabela, deverá providenciar a troca. Em caso de total impossibilidade de se obter um segundo uniforme diferente, o SINDEEPRES e o SESC poderão disponibilizar coletes.
 
Art. 6º - Compete aos organizadores elaborar a tabela e determinar a sua distribuição para as Equipes, adotar providência de ordem técnica necessária à realização do Torneio, designar e alterar datas e horários dos jogos; suspender rodadas quando necessário, escalar árbitros, assistentes e observadores, aprovar ou não resultados de jogos após tomar conhecimento dos relatórios e súmulas preenchidas pelos árbitros.
 
Art. 7º - Os organizadores não se responsabilizarão por acidentes ou incidentes causados ou ocorridos
com participantes ou por estes causados a terceiros, antes, durante e após as partidas.
 
CAPÍTULO II - EQUIPES E PARTICIPANTES
 
Art. 8º - As Equipes inscritas se obrigam a disputar o Torneio até o seu final e se submetem aos termos do presente Regulamento, antes e durante o transcurso do Torneio.
 
Art. 9º - Poderão ser inscritos pessoas que tenham idade igual ou maior que 16 (dezesseis) anos e possuam a Carteirinha do SINDEEPRES em vigência, Credencial do SESC atualizado e portando documento com foto em boas condições de visibilidade.
 
Parágrafo Primeiro - Um mesmo participante não poderá disputar do Torneio Regional por duas Equipes.
 
Parágrafo Segundo - A Equipe não poderá participar de outro Torneio Regional no ano correspondente.

Art.10º
- Em caso de ausência de documentos por motivo de roubos, furtos ou perdas será necessária a apresentação do Boletim de Ocorrência, tendo este validade de 15 dias, salvo julgamento daOrganização.
 
Art. 11º - Caberá sempre à Equipe participante a responsabilidade pela efetiva realização das partidas, as quais competem tomar juntamente com o SINDEEPRES providências necessárias, todas elas, para a realização do jogo.
 
Art. 12º - Cada Equipe poderá inscrever um mínimo de 8 (oito) e um máximo de 15 (quinze) pessoas.
 
Parágrafo Único - Nenhuma pessoa poderá ser incluída e/ou substituída da
 
Ficha de Inscrição de sua Equipe após o início da primeira partida, poderá ser inscrito ou substituído da Ficha de Inscrição de sua Equipe em até 48h antes do primeiro jogo.
 
Art. 13º - Cada Equipe poderá ter um técnico no banco de reservas, devidamente inscrito na partida, com a documentação exigida, Carteirinha do SINDEEPRES em vigência e Credencial do SESC atualizado. Este deverá apresentar os documentos ao representante da arbitragem, que dará condições
de participação em cada partida.
 
CAPÍTULO III – PARTIDAS
 
Art. 14º - As partidas terão duração de dois tempos iguais de 20 (vinte) minutos cada e com 5 (cinco) minutos de intervalo.
 
Art. 15º - 20 (vinte) minutos antes do início da partida, o representante da Equipe deverá apresentar na mesa da arbitragem, Carteirinha do SINDEEPRES em vigência e Credencial do SESC atualizado
de cada participante, junto com a pré-súmula constando os nomes dos participantes e o número da camisa.
 
Parágrafo Único - Antes do início do jogo o representante da Equipe poderá acompanhar a verificação da identidade dos participantes junto com o árbitro, na mesa da arbitragem.
 
Art. 16º - Serão dados 15 minutos de tolerância de atraso apenas para o 1º jogo da rodada. Os minutos de tolerância serão contatos a partir do horário estipulado na tabela. Ao término do período de tolerância a Equipe que não estiver presente com o número mínimo de no local da partida, será decretada perdedora por W.O., pelo placar de 1x0.

Art. 17º
- No caso da não realização da partida por ausência de uma das Equipes, a Equipe que comparecer deverá se apresentar uniformizada, com os documentos conforme citado no Art. 9º e solicitar o preenchimento da súmula, devendo esta ser apresentada ao árbitro em quadra e no horário estipulado na tabela.
 
Art. 18º - Caberá direito de recursos contra irregularidades observadas durante a realização dos jogos sempre que uma Equipe comprovar o não cumprimento deste Regulamento por outra Equipe. Cabendo a interessada a coleta e apresentação de todas as provas, sendo o recurso julgado pela Comissão Organizadora do Torneio. O prazo para a entrada do recurso será de 24 (vinte e quatro) horas após o término da partida, mediante relatório e provas.

Parágrafo Único
- O recurso deverá ser entregue pessoalmente pelo responsável da Equipe, na Sede ou Subsede do SINDEEPRES, da cidade que o Torneio é realizado. Não será aceito recurso enviado por e-mail , fax ou outro meio de envio.
 
Art. 19º - Para iniciar a partida a Equipe deverá apresentar o mínimo de em condições de jogo, podendo completar a Equipe até o final do jogo, desde que
relacionado na ficha de inscrição.
 
Parágrafo Único - O placar da partida será mantido, caso a Equipe que estiver em reais condições de jogo, estiver ganhando até o momento do encerramento. Caso a Equipe que ficar com o número insuficiente de atletas estiver ganhando a partida, a mesma será decretada perdedora do jogo, pelo
placar de 1x0.
 
Art. 20º - As substituições serão livres, podendo ser realizadas com o jogo em andamento, conforme orientação dos árbitros. Lembrando que para ser feita à substituição, o em quadra deverá primeiro sair para que o outro possa entrar. Caso contrário esta atitude será passível de cartão amarelo.
 
CAPÍTULO IV - INFRAÇÕES E SUAS PENALIDADES
 
Art. 21º - É obrigatório que o tenha conhecimento das regras de jogo da modalidade, conforme o código desportivo que está disputando. Na dúvida acesse os sites:

- Futsal
(http://www.cbfs.com.br/2015/futsal/regras/livronacional.html)
- Society (http://www.cbf7.com.br/wp-content/uploads/2013/08/LIVRO-DE-REGRAS-NACIONAIS_2015.pdf)
 
Art. 22º - O será eliminado automaticamente do Torneio e ficará suspenso pelo período de 12 (doze) meses, caso seja comprovado irregularidade na sua inscrição.
  
Art. 23º - Caberá punição rigorosa em caso de agressões físicas e verbais entre Equipes, árbitros e Comissão Organizadora.
 
Art. 24º - 1º W.O. a Equipe perderá três pontos e 2º W.O. a Equipe será desclassificada automaticamente do Torneio e também não poderá participar da próxima edição.
 
CAPÍTULO V – COMPETIÇÃO
 
Art. 25º - As Equipes inscritas serão divididas em 2 grupos: GRUPO A e GRUPO B.
 
Parágrafo Único - Os grupos serão formados por sorteio.
 
Art. 26º - Forma de pontuação: Vitória - 3 (três) | Empate - 1 (um) | Derrota - 0 (zero) - W.O. -3 (menos
um ponto).
participantes
participante
participante
participante
 
Parágrafo Único - Se o jogo terminar empatado, nas semifinais e final, será decido por cobranças de pênaltis. 3 cobranças por Equipe, se persistir o empate, será cobrado pênaltis alternados até a definição
de um ganhador.
 
CAPÍTULO VI – DISCIPLINA
 
Art. 28º - Cartões
Amarelo - advertência;
Vermelho - a Equipe ficará com número reduzido de jogadores por 2 (dois) minutos ou até sofrer um
gol. O participante deverá ficar fora do jogo, devendo ser retirado do local da partida e sem interferir no
andamento da partida.
 
Art. 29º - Suspensões
2 amarelos no mesmo jogo - suspensão automática no próximo jogo, qualquer fase.
2 amarelos em jogos alternados - suspensão automática no próximo jogo, qualquer fase.
1 vermelho - suspensão automática no próximo jogo, qualquer fase.
2 vermelhos – o participante será eliminado do Torneio Regional e também não poderá disputar o Torneio de Futebol Estadual, por nenhuma Equipe.
O cartão vermelho não elimina o cartão amarelo recebido anteriormente.
 
CAPÍTULO VII – CLASSIFICAÇÃO
 
Art. 30º - Classificam-se para as semifinais, as duas melhores Equipes de cada grupo
 
Art. 31º - Critérios para classificação da primeira fase
1º - maior número de pontos;
2º - maior número de vitórias;
3º - maior número de gols marcados;
4º - maior saldo de gols;
5º - sorteio.
 
CAPÍTULO VIII – PREMIAÇÃO
 
Art. 32º - Troféus, medalhas e prêmio surpresa para as Equipes 1ª e 2ª colocadas.
 
Art. 33º - Troféu para artilheiro
Critérios para desempate na artilharia:
1° - Jogador da Equipe que fez a melhor campanha;
2º - Jogador com o menor número de jogos, desde que não tenha sido suspenso.
 
Art. 34º - Troféu para defesa menos vazada Critério para desempate da defesa menos vazada:
1º - Equipe que fez a melhor campanha.
 
Art. 27º - Os árbitros são as autoridades máximas das partidas, não sendo aceito qualquer tipo de recurso contra a interpretação de lances.
 
Parágrafo Primeiro - o prêmio surpresa será material e/ou equipamentos esportivos definidos pela Comissão Organizadora Torneio. Só receberá este prêmio as pessoas que tiverem participados de pelo menos uma partida.
 
Art. 32º - Troféus, medalhas e prêmio surpresa para as Equipes 1ª e 2ª colocadas.
 
Art. 33º - Troféu para artilheiro

Critérios para desempate na artilharia:

1° - Jogador da Equipe que fez a melhor campanha;
2º - Jogador com o menor número de jogos, desde que não tenha sido suspenso.
 
Art. 34º - Troféu para defesa menos vazada

Critério para desempate da defesa menos vazada:

1º - Equipe que fez a melhor campanha.

Parágrafo Único - Só entrarão na disputa de melhor defesa as Equipes classificadas para as semifinais.

CAPÍTULO IX - DISPOSIÇÕES FINAIS

 
Art. 35º - Os Organizadores e demais parceiros não se responsabilizarão por acidentes ocorridos com participantes, dirigentes, torcedores e pessoas ligadas direta ou indiretamente ao evento, ou por estes causados a terceiros, antes, durante e após as partidas, bem como por indenizações, de qualquer espécie, oriundas de participação das Equipes no Torneio.
 
Art. 36º - As Equipes participantes ou que tenham participado do Torneio de Futebol Sindeepres 2017, desde já, indicam e reconhecem a Organização como a única e definitiva instância para resolver as questões que surjam entre elas, desistindo ou renunciando, expressamente assim, de valer-se
da Justiça Comum para esses fins.
 
Art. 37º - Os autorizam o uso do próprio nome e da imagem para divulgação no site, jornal e em quaisquer outros veículos de comunicação, sem ônus de espécie alguma para o SINDEEPRES e/ou SESC.
 
Art. 38º - As interpretações e os casos omissos ou duvidosos deste
 
Regulamento serão resolvidos pela Organização do Torneio de Futebol Sindeepres 2017.
 
Art. 39º - A Organização do Torneio de Futebol Sindeepres 2017 se reserva no direito de fazer alterações neste Regulamento sem o prévio aviso, conforme julgar necessário.

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440