BOLA CHEIA - 14/02/2018

BOLA CHEIA
 
BOLA CHEIA para o Palmeiras, unico clube paulista a votar a favor da utilização do Árbitro de Vídeo no Brasileirão 2018. Corinthians e Santos foram contra e o São Paulo não votou. Quem votou contra alegou problemas...financeiros.
 
Com um gol marcado através de penalidade máxima, que existiu, o São Paulo venceu ao Bragantino pela contagem minima e novamente sem jogar grande futebol. Na primeira etapa até que foi melhor que em jogos anteriores, mas sem conseguir grandes chances de gol, porém na segunda etapa muito pouco apresentou e viu sua vitória colocada em risco com defesas de Cidão e gols perdidos pelo Bragantino. Mesmo sendo terceira vitória consecutiva e sem sofrer gols. novamente algumas vaias foram ouvidas no Morumbi. Boa arbitragem de Adriano Assis Miranda. minimos erros, mas foi mais um a se omitir com cobranças ridículas de Arremessos Laterais de Reinaldo e Eder Militão. Irregularidades flagrantes de locais, uso das mãos e pés e sem que ninguém tome providencias. Antigamente era "somente um arremesso lateral" e constantemente revertido, mas hoje é ação que decide muitos jogos e sem que a Regra seja cumprida.
 
BOLA CHEIA para Ferroviaria 2x2 Santos numa agradavel partida de futebol, com "idas e vindas" no relacionamento de ações das equipes e resultados obtidos. que contrariaram a eventual logica de cada um desses momentos. Equilibrio na primeira etapa, com o Peixe ligeiramente superior e marcando seu gol, mas na sequencia vendo seu goleiro Vanderlei defender penalidade máxima, aliás bem marcada pela arbitragem. Na segunda etapa "foi para cima" a Ferroviária, empatou o jogo e jogava melhor, mas novamente a "logica" desapareceu com o Santos fazendo 2x1 dois minutos após. Mas ao final fez-se justiça e novo empate aconteceu aos 38 minutos. Bom jogo, e como escrevemos, cheio de "idas e vindas" que certamente agradaram ao publico presente, e terminaram. repetimos, com resultado justo. Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza não se comprometeu, mas desta feita não esteve tão bem como em jogos anteriores. Meio "desligado" trocou tiro de canto por tiro de meta, seguiu jogo com bola fora de campo e do lado do Assistente Miguel Cataneo Ribeiro, muito bom, mas hoje em tarde ruim.
 
mesmo não se apresentando dentro de suas melhor es condições foi o Palmeiras novamente BOLA CHEIA ao vencer o Mirassol por 2x0, manter a invencibilidade, e fazer de Jailson um novo recordista com 500 dias sem perder uma partida. Venceu com méritos mas não se houve bem na primeira etapa, viu o adversário perder gols, pouco reagiu na segunda, "achou" um penalidade máxima (bem marcada) e na verdade administrou a partida e o resultado. Não jogou nem de longe o que vem jogando ultimamente. Luis Flavio Oliveira "passeou" em campo, nenhuma dificuldade, e aquela partida que todo árbitro quer ter para arbitrar. Os mais antigos a chamariam de "uma baba"...
 
e que se dizer então do BOLA CHEIA Jailson, goleiro palmeirense? Chegou desacreditado, terceiro goleiro, cresceu, impressionou, hoje coloca no banco os excelentes Fernando Prass e Weverton e ainda de quebra acaba de cmpletar 500 dias sem derrota. Convenhamos que no futebol brasileiro da atualidade onde as forças se equivalem é uma marca altamente expressiva. Nesse periodo foram 29 jogos sem saber o que é derrota.
 
 
"SÁBIO É QUEM DÁ VALOR AO QUE TEM ANTES DE PERDER..."

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua do Bosque, 1904

01136001

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua do Bosque, 1904
Mauá,SP   01136001
Work:11 3392-5440