BOLA CHEIA - 26/02/2018

BOLA CHEIA
 
Martin Silva e Marcelo Grohe foram as grandes BOLAS CHEIAS da quarta feira. O uruguaio, goleiro do Vasco da Gama, salvou a equipe do maior vexame de sua história ao defender tres penalidades contra o Jorge Wilstermann, na Bolivia. Depois de vencer 4x0 em casa, o impossivel aconteceu e, na Bolivia "tomou quatro" também. Nos tiros desde o ponto penal Martin Silva foi o herói. Já por aqui, na decisão da Recopa, Gremio e Independiente fizeram um confronto "á antiga" com brigas, pontapés, expulsão, catimba e tudo mais, levando também a decisão aos Tiros Penais. Marcelo Grohe defendeu o último e o Grêmio saiu Campeão.Detalhe: Esta defesa foi irregular, Grohe antes do tiro já estava adiantado, e quando do tiro adiantou-se ainda mais. Mas... valeu.
 
Num derby que ficou muito longe dos encontros espetaculares de outros tempos, de futebol ruim (especialmente o Palmeiras) mas de uma equipe bem montada e dirigida(o Corinthians) o que não faltou foi polêmica, mas que de maneira alguma pode tirar os méritos do Corinthians 2x0 Palmeiras e ter sido o BOLA CHEIA do clássico. O Timão de uma só vez acabou com a invencibilidade do Palmeiras no Paulistão e no ano, "parou" Jailson em sua série de jogos sem derrota. Porém até mesmo uma arbitragem polêmica acabou "pondo fogo" no jogo, e sem que o "jogo pegasse fogo" pelo mau futebol jogado. Raphael Claus desta feita não nos agradou, e isto já logo de início quando se percebeu de que forma "tocaria" a partida. Deixou o jogo solto, muitas faltas (chamadas de faltinhas) não marcadas, teve critérios diferentes para momentos iguais, e isto tanto técnica como disciplinarmente. Concluiu seu trabalho determinano seis minutos de acréscimo quando no mínimo deveriam ser oito. e de forma surpreendente terminou a partida com três minutos acrescidos. Foi o responável pela derrota do Palmeiras?  Claro que não, mas foi uma arbitragem que, se analisada em minimos detalhes, não foi para nós condizente com sua qualidade.
 
* EXCEPCIONALMENTE NÃO ACOMPANHAMOS OS JOGOS DA RODADA.
 
 
"SE A INVEJA TEM SONO LEVE, SEM PROBLEMA, POIS QUEM ME PROTEJE NUNCA DORME"
 

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua do Bosque, 1904

01136001

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua do Bosque, 1904
Mauá,SP   01136001
Work:11 3392-5440