BOLA CHEIA - 11/06/2018

BOLA CHEIA
 
BOLA CHEIA para a molecada Su17 do Palmeiras que sagrou-se Campeã Mundial de Futebol ao vencer o Real Madri por 4x2.  Foram seis jogos com cinco vitorias e um empate e Gabriel Veron, de 15 anos, foi o artilheiro do torneio com nove gols. O Mundial foi jogado na cidade de Madri, Espanha.
 
E se a molecada se deu bem na quarta feira na Espanha, os marmanjos jogaram uma partida irrepreensível na Arena do Gremio, "quebraram" quinze jogos de invencibilidade dos locais em casa, e foram uma grande surpresa até mesmo para seus torcedores que sempre esperam, ultimamente, os jogos do Verdão com "um pé atrás". Marcaram muito, correram muito, vibraram (muito) e mereceram totalmente uma vitoria de extrema importancia. Esse é o Palmeiras que seu torcedor quer ver, e não aquele de "uma no cravo e outra na ferradura". Na arbitragem mais um paranaense (muito prestigiados) e que, como os outros que tem merecido inumeras escalas não é árbitro para grandes jogos. Rafael Traci foi confuso, parecia "empolgado" pelo jogo que arbitrava, ficou devendo cartões, falou e gesticulou em excesso. Nesta ocasião, pelo menos, não nos mostrou grande condição e tem como os outros do Paraná que já vimos, o "poder" de irritar as equipes.
 
O que chama atenção após esta brilhante vitória é que nesta partida não jogaram os chamados titulares Antonio Carlos, Edu Dracena, Diogo Barbosa, Lucas Lima, Keno e até mesmo Borja. Teria sido uma simples coincidencia o time "encaixar" e jogar tudo o que jogou?
 
Faleceu Maria Ester Bueno a maior tenista brasileira de todos os tempos. Uma BOLA CHEIA que dominou o esporte sendo a primeira do mundo nos anos 1959, l960, l964 e l966. A Bailarina do Tenis, como era chamada, venceu 589 titulos na carreira, tendo entrado para o Hall da Fama em 1978.  Seu primeiro titulo de Grand Slam em Wimbledon foi em 1959 e com 19 anos de idade. Que descanse em paz e o país continue a dedicar-lhe reverências eternamente. Faleceu em São Paulo aos 78 anos de idade.
 
BOLA CHEIA para o São Bento, de Sorocaba, qe faz brilhante campanha na Série B do Brasieirão e sob o comando de Paulo Roberto. Na ultima rodada venceu e quebrou a invencibilidade do lider Fortaleza, de Rogerio Ceni vencendo-o por 2x1. Agora está a um ponto do G4, dois do terceiro colocado e tres do vice lider e é o unico invicto da competição. E mais uma vez Wagner Reway mostrou sua linitadissima condiçao de árbitro, confuso e atrapalhado . Dizer-se que ate recentemente era FIFA á algo inexplicavel, Neste jogo anulou gol legitimo do São Bento na ação de Alessando Rocha, e deixou de marcar penalidade máxima para o Fortaleza.
 
Depois de trinta e seis anos sem vencer ao Atlético Parananse no Paraná, desta feita o São Paulo acabou com o tabu e o venceu por 1x0 gol de Nene de penalidade máxima, que existiu. Jogo muito igual, goleiros fazendo boas defesas, e melhor na segunda etapa. Um resultado importante para o Tricolor, mas que deixa Fernando Diniz mais uma vez "na marca do penalti". Arbitragem normal de Anderson Daronco numa partida muito facil de ser arbitrada.
 
 
"PARA CERTAS COISAS DEVEMOS SER CEGOS, SURDOS E MUDOS"
 

Fale Conosco

Segunda a Sexta - 09:00 as 18:00
Sáb. e Dom. - 07:30 as 13:30
11 3392-5440
aagsp@aagsp.com.br
Obrigado por sua visita
Volte Sempre
  

Associação de Árbitros da Grande São Paulo

Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro

9390050

11 3392-5440

photo AAGSP - Associação de Árbitros da Grande SP
Work:
Rua Luís Mariani, 46, Sala 8 Centro
Mauá,SP   9390050
Work:11 3392-5440